25/10/2008

Algumas notícias...


Rede 3G vai ultrapassar web convencional na América Latina em 3 anos



A GSMA (GSM Association) afirmou nesta sexta-feira (24) que a Banda Larga Móvel 3G HSPA (High Speed Packet Access) será a principal forma de acesso à internet na América Latina em três anos. A rede 3G é utilizada, entre outras, pelas operadoras de celular para oferecer internet móvel e é concorrente da rede WiMax.


Para a GSMA --que representa mais de 750 operadoras de telecomunicações em 218 países-- a liderança será conquistada devido "à constante melhoria da cobertura, capacidade e desempenho das redes 3G HSPA".


No Brasil, de acordo com a associação, mais de 500 mil pessoas acessaram a internet por meio de redes e aparelhos com a tecnologia em menos de um ano de operação.


Conexão


Dados da consultoria IDC apontaram que o país atingiu cerca de 10 milhões de conexões em banda larga no primeiro semestre deste ano, levando em consideração as tecnologias fixa e móvel --os números da banda larga móvel não consideraram a rede 3G.



As conexões classificadas como físicas --IP dedicado, ADSL, Cabo Modem, wireless fixo, satélite, entre outras-- chegaram a 8,727 milhões entre janeiro e junho de 2008, uma alta de 33,24% em relação ao mesmo período do ano passado.


Já o número de conexões móveis, que inclui os pacotes vendidos a PCs, chegaram a 1,314 milhão de assinantes. Essa modalidade cresceu bem mais: 464%.

http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u459916.shtml




Notebook de bambu chega neste mês ao Brasil


A empresa de informática Asus, de Taiwan, lança no fim deste mês no Brasil, durante a Futurecom 2008, a linha de notebook "ecológico", com revestimento de bambu. A companhia informa que o produto "é verdadeiramente verde" desde sua concepção, produção e até na sua eventual reciclagem.


O equipamento foi lançado no fim de agosto em Taiwan, mas o mercado de informática aguardava o lançamento do produto há quase um ano.

Divulgação

Notebook da Asus oferece ao usuário a sensação de tocar no próprio bambu



Segundo a empresa, a linha tem duas versões de equipamentos: um com tela 12,1 polegadas com peso de 1,57 kg, e outro com tela de 11,1 polegadas, que pesa 1,25 kg. As duas versões contam com processador Intel Core 2 Duo.


A Asus afirma também que a bateria dos notebooks da linha de bambu possui tecnologia "Super Hybrid Engine", que melhora o desempenho do sistema em até 23% e tem vida útil entre 35% e 70% superior às baterias convencionais.


Quem utiliza o notebook de bambu, diz a Asus, sentirá o material natural ao tocar o touchpad e também na fragrância que o equipamento exala.


A Asus afirma que por se tratar de uma peça de arte original, cada notebook será peça única, que pode até contar com cores diferentes em cada unidade.

As máquinas deverão chegar ao varejo brasileiro entre o fim deste ano e o início de 2009, mas, por conta da instabilidade da cotação do dólar, a fabricante ainda não definiu os preços. Em um site inglês foi possível encontrar o notebook de bambu por cerca de mil euros [R$ 2.890 na cotação desta sexta-feira (24)].

http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u459847.shtmlNotebook



Postar um comentário